exercicio experimental nº349, 19 de fev de 2010

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010



se eu fosse como o Néné, depois de um passe desses do génio (ele não gosta que digam isso, mas é mesmo) recebia de peito e encostava para dentro da baliza sem sujar os calções. Mas, como eu devo estar, no máximo, ao nível do Fernando Aguiar vai ter que ser mesmo em esforço...

Deste modo e precavendo uma inferior profundidade temática resultante da minha fedelhice, quando comparado convosco, ou talvez por nunca ter acabado um sudoku de grau difícil, queria deixar o repto ou lançar uma petição (diz que está na moda), para esses caramelos que estão no estrangeiro virem até cá ajudar a fazer a festa do titulo do SLB, caso este se confirme! A malta da moedinha está à espera e já com algumas saudades! (além disso são capazes de me perdoar depois deste post)

Shor Mouro aqui vai...

Mousse de chocolate, chocolate, leite com chocolate, ou sem chocolate. Gelado de chocolate. Amigos daqueles que não escolhemos nem procuramos, mas acabamos a tropeçar neles. vestir roupa acabadinha de lavar. Tarde de praia, praia á noite, praia no verão ou na primavera...praia com areia, sol ou chuva, mas sempre com o mar. cerveja na esplanada, Gin tónico numa noite de loucura, Gin tónico depois de umas cervejas na esplanada. Tarde na cama na ronha e a ver filmes. Mulholland Dr. das duas uma, o melhor filme de todos os tempos ou a a maior palhaçada, acho que ninguém sabe muito bem, nem mesmo o Sr. Lynch. Mas dá vontade de ver e rever vezes sem conta. viagens com os amigos, as fotos costumam mostrar o porquê. café pela manhã, seja ela às 9h ou às 16h. Aquela Skunk maluca. As noites de poker com a malta que não tem que sair mais cedo (quando está a ganhar) porque a mãe comprou fiambre. Paredes de Coura. O concerto de Rage Against The Machine. Irish wisky com duas pedras ou água de castelo. O hat-trick do João Vieira Pinto contra o Zporting. Os 458 remates que o Isaias tinha que fazer para marcar um golo. O complemento de Domingo do jornal OJOGO. As noites que saímos com um amigo só para tomar café e acordamos com uma ressaca monumental e um cão ou sinais de transito no meio da sala, que não estavam lá antes de sairmos de casa. Aquelas noites que acabam com SATISFACTION, dos Rolling Stones ou FAVAS COM CHOURIÇO, do nosso querido José Cid. A noite de 29 de Novembro em Guimarães, quem já foi sabe do que estou a falar, a receita é a mesma todos os anos...porém o resultado é sempre uma incógnita e uma surpresa (conselho importante, NÃO CONDUZA!). Encontros com amigos que acabam com inumeras "estórias" daquelas que começam com: "-Lembras-te daquela vez que....?". Aquele abraço sentido...As telas do jackson Pollock, do Robert Rauschenberg e Mark rothko. Já disse que gostava da praia? As esculturas do Donald Judd e as performances do Yves Klein. What i got dos Sublime. What i got na praia. Aquela foto no dia 15 de agosto, depois do concerto do Jorge e o Génio. Aquilo que o Sandro diz ser do tempo da outra senhora e da Índia, gostei.

Fico á espera do próximo...


PS. Shor Mouro há uma coisa que tanto tu como o Shor Jorge me garantiram, iria entrar nesta lista...ainda estou á espera! para quando essa viagem?


1 comentários:

Mouro disse...

..depende de quando é a época de colheita de rosa no Hawai..